Presidente da Câmara de Vereadores nega informações a nossa equipe de jornalismo

Fato inusitado ocorreu ontem domingo, em que por manifestação pessoal através do whatApp o Presidente da Câmara de Vereadores de Coronel Domingos Soares, de forma totalmente deselegante e autoritária negou informações para nossa equipe de reportagem. O Presidente da Câmara ao ser solicitado para encaminhamento da pauta da sessão do dia 24, indagou a respeito da finalidade, e na sequência afirmou que eu Repórter Alencar somente divulgo de acordo com meu interesse, e negou-se a prestar informações.

Presidente Valdir, primeiramente o senhor fere de fogo o princípio Constitucional da publicidade, insculpido no art. 37 da Constituição Federal. Nosso trabalho é de publicação. Nós da imprensa, queremos levar até o povo domingosoarense toda a informação da comunidade, seja do Poder Legislativo, seja do Executivo.
Sua atitude é coisa de ditador e amordaça os profissionais da imprensa, e digo mais, como representante de uma classe (vereadores) o senhor não está acima da lei, e em especial deve atendimento a Lei nº 12.527 que regula o acesso a informações não somente ao pessoal da imprensa mas a todo o cidadão.

A conduta de Vossa Excelência, inclusive é no mínimo um ato de improbidade administrativo, pois conforme a lei 8.429/92, essa menciona que toda a ação ou omissão que viole os deveres de legalidade, imparcialidade, e principalmente negar publicidade em atos oficiais é um ato improbo. Presidente, certamente sua conduta não é aceita pelos demais vereadores, e solicito que reveja seus atos, pois a população quer conteúdo, quer saber o que está sendo feito em prol da comunidade, quer ver trabalho, e, seus atos dão a entender que queres esconder algo, e esse caminho é infame e repudiável.

 

REPÓRTER ALENCAR
© Copyright 2019, Ludegério Alencar Pereira Eireli.
CNPJ: 32.612.586/0001-31
/ Agências de notícias, propaganda e MKT. Empresa Individual de Responsabilidade Limitada. Todos os direitos reservados.