Morre em Pato Branco Frei Policarpo Berri

No dia em que a Igreja celebra São Francisco de Assis, o Frei Policarpo Berri, Paróquia São Pedro Apóstolo, em Pato Branco, faleceu. A morte ocorreu no início da manhã deste domingo (4). O franciscano se preparava-se para concelebrar a Santa Missa na Matriz.

História

Em um domingo, dia 13 de julho de 1924, em Rodeio (SC), na área rural, nascia Inácio Berri, filho de Félix e Melânia Berri. Com 11 anos de idade deixou a casa dos pais para dar início aos estudos no seminário da Ordem Franciscana, em Rio Negro-PR.  No período do noviciado, o jovem adotou o nome de Policarpo. Foi ordenado sacerdote no Rio de Janeiro, no dia 25 de julho de 1950.

Frei Policarpo chegou em Pato Branco em janeiro de 1956 e no ano seguinte, a Ordem adquiriu a Rádio Colmeia, atual rádio Celinauta, iniciando um grupo de comunicação. Mas não apenas a população de Pato Branco, como de toda a Diocese vê nele um pastor especial. Frequentemente, pessoas dos mais diferentes lugares da Diocese, estão a sua espera na Canônica para uma bênção, um afago de mãos e uma palavra de conforto. Sem dúvida, Frei Policarpo é um dos padres que bem representam o papel das ordens e congregações na construção desta Diocese.

Em entrevista ao repórter Edson Honaiser (Rádio Celinauta), frei Neuri, explicou o ocorrido.

https://www.facebook.com/437911039678313/videos/1005868949887132/

REPÓRTER ALENCAR
© Copyright 2019, Ludegério Alencar Pereira Eireli.
CNPJ: 32.612.586/0001-31
/ Agências de notícias, propaganda e MKT. Empresa Individual de Responsabilidade Limitada. Todos os direitos reservados.