Irmãos acusados de homicídio são condenados pelo Tribunal do Júri da Comarca de Palmas/PR

Após 14h de intensos debates o Tribunal do Júri da Comarca de Palmas/PR condenou os irmãos Lindomar de Oliveira a 14 anos de reclusão e Lindomir de Oliveira a 14 e 03 meses de reclusão, pelo crime de homicídio qualificado, pelo recurso que dificultou a defesa da vítima Haryon Francisco Boese da Silva,32, nos termos da denúncia oferecida pelo Ministério Público.

Embora o crime fora cometido pelos dois, o réu Lindomir de Oliveira foi sentenciado com a pena maior, por ser reincidente em crime doloso e possuir maus antecedentes.  Segundo a Juíza Tatiane Bueno Gomes que conduziu os trabalhos nesta quarta-feira,15, o julgamento sofreu atrasos devido à complexidade do processo.

CRIME

Por volta da 01h da manhã do dia 06 de setembro de 2017 Haryon Francisco Boese da Silva, 32 anos, foi morto nas proximidades do antigo Mercado Valdo, na Rua Sete de Setembro, entrada do bairro Serrinha, em Palmas, Sul do Paraná.

A criminalista constatou que Haryon recebeu três disparos na cabeça e dois nas costas. No local, a Polícia encontrou aproximadamente dez cápsulas de pistola calibre 380. Na época o delegado, Victor Grotti, relatou que possivelmente tratava-se de uma execução.

REPÓRTER ALENCAR
© Copyright 2019, Ludegério Alencar Pereira Eireli.
CNPJ: 32.612.586/0001-31
/ Agências de notícias, propaganda e MKT. Empresa Individual de Responsabilidade Limitada. Todos os direitos reservados.