Dono de casa noturna é morto a tiros por travesti em Pato Branco

O domingo de Páscoa encerrou com homicídio em Pato Branco, no Sudoeste do Estado. Um homem foi morto a tiros. O crime aconteceu na Travessa Dourado, no Bairro Morumbi, por volta das 19h30.

Valdecir Missel, conhecido popularmente como “Tatu” foi alvejado por disparos de arma de fogo. O autor do crime foi um travesti, identificado como Roberta. O suspeito fugiu com uma camionete Captiva e foi preso em Xaxim (SC), pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Segundo informações do repórter Altair Merlo, da Rádio Itapuã, tatu seria dono de uma Casa Noturna em Pato Branco e teria se desentendido com o travesti por conta de algumas contratações que fez para trabalhar em seu estabelecimento.

O corpo de Valdecir Missel foi recolhido ao IML de Pato Branco, após perícia da Criminalística. A Polícia Civil compareceu ao local e instaurou inquérito policial para apurar a real motivação do crime.

Fonte/foto: Altair Merlo/Rádio Itapuã 

REPÓRTER ALENCAR
© Copyright 2019, Ludegério Alencar Pereira Eireli.
CNPJ: 32.612.586/0001-31
/ Agências de notícias, propaganda e MKT. Empresa Individual de Responsabilidade Limitada. Todos os direitos reservados.